Um dia no bairro em que vivo


mal_hermes

Colégio, Estação d trem e Praça

Hoje foi mais um daqueles dias em que você chega ao pequeno bairro onde foi criado e se lembra a causa de não sair. Encontrei um amigo de colégio, daqueles que você encontra vez ou outra, uma vez no carnaval e outra na festa do aniversário do bairro. Conversamos sobre a vida, sobre religião e sobre nosso próximo encontro quando a sorte nos permitir. Encontrei outro conhecido, e outro e outro. O dono da padaria, o velhinho do doce e a senhorinha que sempre está no portão molhando as plantas quando chego em casa.

Meu bairro, não é o mais lindo, não é o mais seguro, não é o mais bem arrumado, mas para mim é muito bonito e pode ser arrumado, há sim é um dos mais seguros, pelo menos é o que as seguradoras de carro dizem, pois é um dos seguros de carro mais em conta.

Há dias em que penso em deixar meu bairro, ir para um mais emergente, mas ai lembro que minha família, meus amigos e todas aquelas pessoas que fazem vc se sentir bem, em casa, estão todas lá.

Moro no Rio de Janeiro, num bairro da zona norte, próximo a zona oeste, longe do centro, moro em Marechal Hermes, perto de Deodoro, perto de Bento Ribeiro, Osvaldo Cruz, Realengo, Guadalupe, Vila Valqueire, Pça Seca e Madureira.

Technorati Marcas: ,
[tweetmeme only_single=”false”]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s